• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

CUT Ceará presta solidariedade ao coordenador-geral da FUP Deyvid Bacelar

O dirigente foi suspenso por 29 dias pela gerência-geral da Refinaria Landulpho Alves (Rlam), na Bahia, por exercer seu legítimo direito de representar e defender os direitos da categoria petroleira

Publicado: 09 Abril, 2021 - 10h57

Escrito por: Redação CUT

notice

A Central Única dos Trabalhadores no Ceará (CUT-CE) vem a público prestar solidariedade ao Coordenador-Geral da Federação Única dos Petroleiros (FUP), Deyvid Bacelar, que foi suspenso por 29 dias pela gerência-geral da Refinaria Landulpho Alves (Rlam), na Bahia, por exercer seu legítimo direito de representar e defender os direitos da categoria petroleira, duramente atacados pela direção da Petrobras.

A ação da direção da estatal foi uma conduta antissindical, totalmente ilegal, pois viola o direito fundamental à liberdade sindical, que é protegida pelas Convenções 98 e 135 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), ratificadas pelo Brasil.

Para a CUT Ceará, a livre organização sindical e as liberdades de manifestação e expressão estão diretamente ligadas ao exercício da democracia, pela qual o movimento sindical lutou incansavelmente para reconquistar, durante o processo de redemocratização do país. Portanto, a entidade repudia veementemente todo e qualquer ataque ou tentativa intimidação de trabalhadores ou dirigentes sindicais que lutam por mais direitos e melhores condições de trabalho e exige a imediata revogação da suspensão imposta contra o companheiro Deyvid Barcelar.

A CUT Ceará reitera que a luta dos trabalhadores e trabalhadoras da Petrobras é legítima e reafirma o seu compromisso com a defesa da democracia e da livre organização sindical no país.

Todo o nosso apoio à luta dos petroleiros.

 

Somos fortes, somos CUT!

 

Fortaleza, 9 de abril de 2021

Direção-executiva da CUT-CE