• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Festival Regional da Juventude da Fetraece em Crateús

O encontro reúne 90 jovens representantes dos sindicatos rurais da região do Sertão dos Inhamuns

Publicado: 30 Outubro, 2019 - 14h32 | Última modificação: 30 Outubro, 2019 - 15h59

Escrito por: Redação CUT

TARCÍSIO AQUINO
notice
CUT Ceará no Festival de Juventude Rural, em Crateús

A CUT Ceará participou na manhã desta quarta-feira (30/10), da abertura do II Festival da Juventude Rural da Fetraece, na região do Sertão do Inhamuns, no Centro de Treinamento Diocesano Dom Fragoso, em Crateús.

O encontro reúne mais de 90 jovens representantes dos sindicatos de trabalhadores rurais da região e promove até amanhã, debates sobre organização sindical, conjuntura política e metodologias criativas para ações de luta.

O secretário de comunicação da CUT-CE, Emanuel Lima, destacou em sua fala a importância da participação da juventude no movimento sindical e nos movimentos sociais. De acordo com o dirigente, a chegada dos jovens a estes espaços fortalece os sindicatos e a luta por mais direitos. “É preciso que a juventude entenda a importância de ocupar mais espaços nos sindicatos rurais. A sucessão rural não se trata somente de produção ou transferência de terra, mas também de participação dos jovens no movimento sindical. Portanto, participem e ajudem a fortalecer o seu sindicato, a sua federação e a CUT”.

TARCÍSIO AQUINOTARCÍSIO AQUINO
Secretário de Comunicação da CUT Ceará, Emanuel Lima.

Painel
O secretário de administração e finanças da CUT, Helder Nogueira, representou a Central no painel “A voz da juventude do campo na atualidade”. Durante o debate, Helder afirmou que o Brasil é estratégico para o capitalismo que, segundo ele, passa por uma crise no modo de produção e busca transformar em negócio também outros setores, como o serviço público e a gestão de recursos naturais. Eles querem controlar a nossa vida e a nossa morte. As recentes revoltas no Chile mostram que esse modelo não favorece a classe trabalhadora e o mais pobres. Por isso, precisamos resistir, pois Bolsonaro com o apoio de Paulo Guedes e do Congresso, quer tirar do Estado e entregar a iniciativa privada a nossa aposentadoria, a nossa saúde e até mesmo a água que bebemos. E isso é extremamente grave”.

TARCÍSIO AQUINOTARCÍSIO AQUINO
 Nogueira Secretário de Administração e Finanças da CUT Ceará, Helder Nogueira.


Também participaram do encontro o superintendente do Idace, José Wilson, a secretária de juventude da Fetraece, Milena Camelo, Antonny Lucas, do Levante Popular da Juventude e Romário Macedo, da Pastoral da Juventude Rural.