• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Carmen, Boulos e Lindbergh lançam Comitê Lula Livre no Ceará

Ato fez parte da Jornada Mundial Lula Livre e lotou o auditório da Fetraece, em Fortaleza

Publicado: 09 Abril, 2019 - 11h55 | Última modificação: 10 Abril, 2019 - 10h35

Escrito por: Polianna Uchoa com colaboração de Tarcísio Aquino

Tarcísio Aquino/CUT-CE
notice
Militância lota o auditório da Fetraece no lançamento do Comitê Lula Livre Ceará

Mais de 500 pessoas lotaram o auditório da Fetraece, em Fortaleza, na noite desta segunda-feira (8/4), para acompanhar o lançamento do Comitê Lula Livre Ceará. A atividade reuniu movimentos sociais, movimento sindical, estudantes, professores, trabalhadores rurais, parlamentares do PT, PSOL e PCdoB e contou com a presença de Carmen Foro, vice-presidenta nacional da CUT, Guilherme Boulos, dirigente nacional do MTST e Lindberg Farias, ex-senador (PT/RJ).

Tarcísio AquinoTarcísio Aquino

“Ontem completamos um ano do dia mais triste da nossa historia. E nós, naquela época nem sabíamos quantas injustiças iriam acontecer neste um ano. E mesmo assim, ele não recuou, ele não buscou acordos menores. O Lula manteve sua posição altiva e corajosa. E isso deve ser pra nós um exemplo de que pra tirar o lula de lá e interromper essa prisão injusta, temos que mudar a correlação de força e tem que ser feita com uma frente ampla. A luta por lula livre não é apenas de um partido, é a luta de aqueles e aquelas por democracia, que não aceitam presos políticos nesse país”, disse Guilherme Boulos, ex-candidato a presidente pelo PSOL.

Marcos FelipeMarcos Felipe

O ex-senador Lindbergh Farias (PT/RJ) explicou sobre a emoção de ser nordestino e lançar o primeiro Comitê Estadual do Brasil em uma cidade do Nordeste. “Lula fortaleceu o Brasil e a América do Sul. O Lula é a única pessoa que liga todo mundo. Precisamos desse espaço de resistência para defendê-lo. Só tem uma chance de enfrentar a ofensiva da direita e é se organizando”, disse. “Eu sei que não é tão fácil, e me coloco a disposição do Ceará para ir ao interior para construir mais comitês. Juntos vamos conseguir que Lula seja absolvido pela historia deste país”, explicou.

Marcos FelipeMarcos Felipe

Resistência
A companheira Carmen Foro, vice-presidenta nacional da CUT, reafirmou que o momento é gravíssimo. “O país está á venda, o golpe continua e nós temos que continuar na resistência dia e noite”. Estamos lutando pela liberdade do filho mais ilustre deste pais que também passou pela nossa Central sindical, que fundou o PT e a CUT e que é a razão de estarmos aqui hoje nesta jornada em defesa de sua liberdade. Para nós da CUT a liberdade de Lula é decisiva para que a gente derrote a reforma da Previdência, pois sem democracia não haverá direitos. Não calaremos nossa voz.

Marcos FelipeMarcos Felipe

AGENDA LULA LIVRE CEARÁ
O Ato político de lançamento do Comitê Lula Livre Ceará também foi de desdobramento de agendas. A deputada Federal e membro do diretório Nacional do PT, Luizianne Lins, reforçou que “a primeira tarefa é que o comitê não tem dono. Não é de ninguém, mas ao mesmo tempo é de todo mundo. A tarefa é de cada um de nós. Precisamos seguir os eixos fundamentais dos comitês que são comunicação, cultura, mobilização e envolvimento da sociedade civil”, explicou. Dentre as tarefas, a primeira reunião de trabalho do Comitê Lula Livre Ceará ficou definida para acontecer no próximo dia 22 de abril, às 18h, no Centro de Formação Frei Humberto (MST).

Confira as fotos: http://twixar.me/ZBgK

Assista ao vídeo completo: http://twixar.me/lBgK

carregando
carregando