• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Sindmetal-CE elege nova direção para o quadriênio 2020-2024

“A nossa luta continua!”. A afirmação é do presidente reeleito para comandar o Sindicato dos Metalúrgicos do Ceará (Sindmetal-CE), Fernando Chaves pelo próximo quadriênio (2020 – 2024).

Publicado: 21 Novembro, 2019 - 12h36

Escrito por: Sindmetal-CE

Oliane Pinto
notice

 

Com a confirmação da vitória da chapa 1 ‘‘Resistência e luta!’’, na eleição sindical realizada hoje (20), o Sindmetal inicia um novo ciclo, com uma diretoria que tem 40% de renovação em sua composição e que tem o compromisso com a defesa dos direitos da classe trabalhadora e com a luta para garantir melhores condições nos locais de trabalho.

A chapa unitária recebeu 99,4% dos votos válidos. Foram 518 votos na Chapa 1, de um total de 523 cédulas depositadas nas urnas fixas e itinerantes, estas que percorreram todas as empresas onde haviam trabalhadores e trabalhadoras sindicalizados aptos a votar e participar do processo democrático. Foram computados, ainda, 4 votos nulos e 1 branco.

Confiança

De acordo com o presidente reeleito, Fernando Chaves, o resultado das urnas demonstra a confiança da categoria no trabalho realizado pela entidade. ‘‘Essa grande aprovação nas urnas nos encoraja a seguir lutando em defesa dos metalúrgicos/as. Nosso compromisso é com a luta por um salário melhor, mais benefícios, mais segurança no ambiente de trabalho e contra a retirada de direitos trabalhistas históricos pelo atual governo. Resistiremos!’’, afirma.

Mulheres

Para a secretária de finanças do Sindmetal-CE eleita, Elenir Ribeiro, que será a primeira mulher a assumir o cargo na entidade, a nova diretoria estará cada vez mais próxima da base, dialogando e colocando em prática ações que tragam mais benefícios para os trabalhadores e trabalhadoras. “O Sindicato é o instrumento legítimo que os metalúrgicos/as têm para que os seus direitos sejam respeitados. Seguiremos em defesa das mulheres e sendo ‘Resistência e luta’ frente aos desmandos do governo Bolsonaro que, com suas medidas impopulares, só prejudica a classe trabalhadora”, ressalta a sindicalista.

Central Sindical

O metalúrgico e presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT-CE), Wil Pereira, foi eleito primeiro secretário do Sindmetal. ‘‘Tenho orgulho de fazer parte dessa grande família que é o ramo metalúrgico e por estar na coordenação geral do Sindmetal, este que foi um dos primeiros sindicatos a se filiarem à Central no estado. A CUT Ceará estará sempre à disposição dessa categoria e contra o desmonte do País pelo governo de Jair Bolsonaro’’, pontua.